Serie A

7ª Rodada

Atalanta 0-0 Udinese

Zampagna nega o presente para os torcedores de Bergamo na comemoração de 100 anos da Atalanta. Em um jogo no qual a equipe de casa se mostrou mais empolgante e perigosa, o atacante perdeu a chance de levar o time à vitória após desperdiçar um pênalti a poucos minutos do término da partida. Um resultado ainda mais frustrante se consideradas todas as chances criadas pela Atalanta no primeiro tempo, méritos para Handanovic que fez belas defesas, impedindo gols de Carrozieri, numa cabeçada potente, e de Langella num potente tiro de esquerda.

O time friulano por sua vez, demonstrou sentir falta de Di Natale no ataque, o jogador não foi convocado pois sua mãe faleceu alguns dias antes da partida. Quagliarella teve uma atuação um pouco mais vivaz do que suas últimas partidas, mas não conseguiu que seu time tivesse boas oportunidades de gol. Coppola só precisou trabalhar uma única vez no primeiro tempo, defendendo uma falta cobrada por Pepe que desviou na barreira.

Apesar do placar sem gols, um jogo bem emocionante, com duas equipes bem organizadas taticamente não decepcionou tanto quem assistiu à essa partida.


Fiorentina 1-1 Juventus
A Juventus provou o amargo gosto de sofrer um empate nos minutos finais do jogo, após ter conseguido um ótimo empate contra a Roma e de ter ganho o clássico contra o Torino ambos com gols no finalzinho, a Juve finalmente provou de seu próprio veneno.
A velha senhora vinha conquistando 3 enormes pontos, contra uma equipe que está mostrando ser uma das mais perigosas da temporada, a Fiorentina. Porém, um pênalti bem batido por Mutu impediu que o time de Turim encostasse na Inter, Buffon bem que tentou, mas a penalidade acabou no fundo das redes.

Resultado justo pelo que apresentou a Fiorentina, um belo futebol, ofensivo e envolvente. No primeiro tempo a equipe viola teve muito mais a posse de bola no ataque, porém não foram muitas as chances claras de gol. Mutu quase acertou um voleio de longa distância, que seria um golaço, e Buffon fez ótima defesa num chute de Montolivo, que desviou no meio do caminho.
O gol da Juventus saiu apó um rápido contra-ataque, em que a bola alçada na área foi mal rebatida por Gamberini, e caiu nos pés de Iaquinta, que mostrou muita habilidade dominando a bola já avançando pra dentro da área, e chutando no cantinho, sem chances pra Frey. Muito se discutiu sobre o lance desse gol, pois no lance o Trezeguet em posição de impedimento atravessou na frente do goleiro, porém o lance permite divergência de opiniões.

No segundo tempo a Juventus se fechou ainda mais, com a boa característica de marcação que tem, e não deu muito espaço pro adversário jogar, e com a qualidade que tem nos contra-ataques poderia ter matado o jogo. O time de Firenze por sua vez foi paciente e continuou buscando o gol, quando quase nos acréscimos, o Vieri acertou uma boa cabeçada, que foi cortada pelo zagueiro com o braço, resultando no pênalti que traria o empate.

Resultado que deixa essas duas interessantes equipes ainda muito fortes no páreo para as primeiras colocações.

Deixe um comentário