Liga dos Campeões

Liga dos Campeões: Dos males, o menor

Dominada pelo Bayern, a Roma pode comemorar o resultado. Não ter
sofrido outra goleada foi até lucrativo (Reuters)

Depois da queda vexatória para o Cagliari, poucos eram os torcedores romanistas que enxergavam alguma esperança na estreia da Liga dos Campeões. Mesmo sem Robben e Ribery, enfrentar o Bayern de Munique, atual vice-campeão, não é o começo mais tranquilo que alguém pode desejar. No primeiro tempo de um jogo sem qualquer emoção, a Roma teve as duas melhores oportunidades, com Borriello.

Sem Mexès, Riise e Castellini na defesa, Taddei no meio-campo e Vucinic no ataque, Ranieri retornou ao 4-1-3-2 que ajudou a tirar a Roma da crise, há um ano. Com Pizarro mais recuado, esperava-se um jogo mais fluido. Ménez perdeu lugar para Brighi, que teria a responsabilidade de auxiliar Rosi na marcação pela direita. Na esquerda, De Rossi, ainda fora de forma, segurou as pontas ao lado de Cassetti até o intervalo. O catenaccio de Ranieri funcionou na primeira etapa.

No segundo tempo, talvez van Gaal tenha decidido que era hora para se impor. E transformou Julio Sergio no melhor romanista em campo. O goleiro brasileiro defendeu tudo o que pôde, inclusive milagres sobre Müller e Klose, e não teve culpa nas duas bolas que entraram. Müller, destaque da partida, fez o primeiro com um belíssimo chute. O segundo foi de Klose, em bola que um Burdisso mais concentrado teria antecipado. O placar final em 2 a 0 é o menor dos males para a Roma, que teve apenas 27% da posse de bola e viu o Bayern finalizar 23 vezes.

Com Perrotta na pior fase desde que chegou à capital, De Rossi completamente fora de ritmo e Totti tão bem marcado, Borriello fica isolado. Ainda assim, o camisa 22 teve três boas chances e quase conseguiu seu primeiro gol com a camisa giallorossa. O grupo E não é terrível e os jogos contra Cluj e Basel são mais do que abordáveis. Desde que o meio-campo, destaque do time, volte a ser o que foi. E Riise retorne o mais cedo possível – sem ele, o lado esquerdo da defesa da Roma desmorona.

Para o relato e os gols da partida, clique aqui.
Ontem, a Inter empatou com o Twente, veja aqui.

1 comentário

Deixe um comentário