Liga Europa

Liga Europa: Fiorentina voa e Lazio tropeça

Destaque da Fiorentina, colombiano Cuadrado incendiou o jogo contra o Pandurii (Ansa)

Mais uma vez, a Fiorentina entrou em campo com muita seriedade, na Liga Europa. A Lazio também, mas faltou pontaria, e o resultado diante do Apollon, time mais fraco do seu grupo, não foi satisfatório. Acompanhe o resumo dos jogos das equipes italianas.

Fiorentina 3-0 Pandurii
Embalada
após a grande vitória contra a Juventus na Serie A,
a Fiorentina enfrentou o Pandurii, da Romênia, em busca da consolidação
da
liderança do grupo E da Liga Europa. Com o Artemio Franchi quase vazio e
sem
contar com alguns de seus principais jogadores, preservados devido ao
cansaço, a equipe violeta entrou em campo novamente com jovens
jogadores, que tiveram sua oportunidade, como o brasileiro Ryder, que já
havia feito
um bom jogo contra o Dnipro, e Bakic, esperança montenegrina.

Embora enfrentasse o adversário mais fraco do grupo, a
Fiorentina teve muito trabalho nos minutos iniciais. Primeiro o brasileiro Eric
carimbou o travessão e, na sequência, Ungurusanu obrigou Neto a fazer uma difícil
defesa. A Viola demorou, mas quando chegou, foi para marcar. Joaquín, que
recupera o bom futebol aos poucos, recebeu na intermediária, fintou dois
zagueiros em um espaço curto e ainda driblou o goleiro antes de marcar um
verdadeiro golaço. Depois, Ryder foi esperto ao roubar uma bola, e também tentou driblar o goleiro – mas sem sucesso.
Sorte dele que o rebote caiu em seus pés. O camisa 30 só tocou por baixo do
goleiro para ampliar, aos 33.

Com o placar praticamente definido e o adversário entregue,
o jogo caiu de rendimento e Montella se deu ao luxo de revezar seus titulares
na segunda etapa. Mas Cuadrado entrou voando e com apenas oito minutos em
campo, já deixou seu gol, em um chute forte, da lateral da área. O colombiano
deu outro ritmo ao ataque da Fiorentina, que criou diversas chances e só não
ampliou o placar graças às traves, que pararam as oportunidades de Yakovenko e do
próprio Cuadrado, que quis coroar seu poucos minutos em campo com um golaço. Com
9 pontos, a equipe viola tem tudo para confirmar sua vaga já no próximo jogo,
novamente contra o Pandurii. (Caio Dellagiustina)

 

Apollon 0-0 Lazio

Sem vencer há quatro partidas, a Lazio visitou o Apollon Limassol, em jogo válido pela terceira rodada da fase de grupos da Liga Europa. O time de Vladimir Petkovic, que cada vez mais balança no cargo, dominou totalmente a partida, mas não conseguiu sair do 0 a 0 e amargou o quinto resultado negativo consecutivo.   

Contra um adversário muito mais fraco tecnicamente e que jogou quase 90 minutos na defesa, a Lazio criou pouco e, as finalizações, a maioria delas de fora da área, não encontraram o caminho do gol. O Apollon estava muito bem postado defensivamente e conseguia bloquear as jogadas de ataque dos italianos, tanto que, dos impressionantes 23 chutes da Lazio na partida, só oito acertaram o alvo; muitos deles esbarraram na forte marcação que os cipriotas montaram à frente da área. A equipe biancoceleste encontrava as suas oportunidades na maioria das vezes nas jogadas individuais, principalmente com Ederson, Hernanes ou Keita. Floccari, o único atacante de área escalado por Petkovic, participou pouco do jogo.   

O domínio laziale, porém, não foi transformada em jogadas incisivas, e o goleiro Bruno Vale quase não teve trabalho. Não bastasse a apatia ofensiva, a defesa da Lazio ainda deu alguns sustos, deixando o Apollon ter as oportunidades de gol que não conseguia criar. Em uma delas, no finalzinho da partida, Meriem quase marcou de fora da área após vacilo esdrúxulo de Cavanda. Mas não seriam os cipriotas, que acertaram apenas um chute a gol, que tirariam o zero do placar.   

Com o empate, a Lazio agora é segunda colocada no Grupo J da Liga Europa, com cinco pontos, dois atrás do líder Trabzonspor, que venceu o Legia Varsóvia, e apenas um à frente do próprio Apollon. Os dois times voltam a se enfrentar no dia 7 de novembro, dessa vez em Roma. (Cleber Gordiano)

Deixe um comentário