Quem somos

A Calciopédia surgiu em julho de 2006 e só em maio do ano seguinte ganhou o formato atual, de dedicação exclusiva ao futebol italiano. É um tema querido por tantos brasileiros, que se acostumaram a acompanhar o calcio desde 1983, quando a TV Bandeirantes apostou e trouxe para o Brasil o primeiro campeonato estrangeiro.

Aos domingos de manhã, o país torcia pela Roma de Falcão, pela Udinese de Zico, pela Sampdoria de Toninho Cerezo. E ainda assistia a Baresi, Antognoni, Platini, Ancelotti, Conti e Mancini. Desde então, a Serie A já foi exibida por quase todas as grandes redes abertas do Brasil e entrou no dia a dia do brasileiro, assim como outros campeonatos europeus. Os jovens de hoje cresceram torcendo por Totti, Del Piero, Nedved, Maldini, Buffon, Zanetti, Shevchenko e outros craques que desfilam ou desfilaram por campos italianos e europeus.

Ao longo dos anos, a Calciopédia se tornou referência no que diz respeito ao futebol italiano. O site tem como objetivo ser a mais completa fonte de informações em língua portuguesa sobre o futebol italiano do presente e do passado. Cobrimos não apenas as principais competições do país – a Serie A e a Coppa Italia – e as participações das equipes da Bota na Liga dos Campeões e na Liga Europa: publicamos todas as transferências envolvendo jogadores de clubes da primeira divisão do país e fazemos especiais de início e fim de temporadas. Buscamos ainda levar a nossa qualificada audiência as mais relevantes informações da divisões de acesso, do futebol feminino e também dos principais campeonatos de categorias de base do país.

A maior parte das imagens do site foi obtida através do Onefootball, que fornece conteúdo da Getty Images e da Imago.