Serie A

Balanço final: Catania

Bizzarri deixou o carma de flop do Real Madrid para ser ídolo no Catania
A CAMPANHA 15ª colocação, 43 pontos. 12 vitórias, 7 empates, 19 derrotas.
FORA DA SERIE A Eliminado pela Juventus nas oitavas-de-final da Coppa Italia.
O ATAQUE 41 gols, o 6º pior.
A DEFESA 51 gols, a 8ª mais vazada.
OS ARTILHEIROS Giuseppe Mascara (12 gols), Michele Paolucci (7), Takayuki Morimoto (7).
OS ONIPRESENTES Matias Silvestre (36 jogos), Giuseppe Mascara (34), Marco Biagianti (34).
O TÉCNICO Walter Zenga
QUEM DECIDIU Albano Bizzarri
QUEM DECEPCIONOU Cristian Llama
QUEM SURGIU Takayuki Morimoto
QUEM SUMIU Gionatha Spinesi
MELHOR CONTRATAÇÃO Michele Paolucci
PIOR CONTRATAÇÃO Nicolae Dica
NOTA DA TEMPORADA 6,5

Pouco antes da metade do campeonato, o Catania ocupava a oitava colocação e surpreendia até os mais otimistas torcedores rossoblù, que começavam a sonhar até com uma vaga na Liga Europa. No entanto, a fama de cavalo paraguaio dos etnei não foi embora, apenas tardou. Depois de um grande início, a equipe do técnico Walter Zenga caiu um pouco de produção, mas chegou à parada de inverno em uma boa colocação ainda, almejando a Europa. A queda mesmo veio na segunda parte do campeonato, onde nem as boas defesas do goleiro Bizzarri, nem os gols de Giuseppe Mascara conseguiram manter o bom rendimento do time, que ainda assim concluiu a Serie A na 15ª colocação.

Além do goleiro Bizzarri, pelo menos outros dois jovens jogadores surpreenderam positivamente essa temporada: Michele Paolucci e Takayuki Morimoto. O primeiro, que veio de uma atuação apagada pela Atalanta no returno do campeonato 2007-08, conseguiu mostrar seu bom futebol e marcou sete gols na temporada, tornando-se o vice-artilheiro da equipe, assim como o japonês Morimoto, de apenas 21 anos, que finalmente mostrou porque é chamado de “O Ronaldo do Sol Poente” pelos japoneses.

Por outro lado, lembramos de Gionatha Spinesi e Nicolae Dica. Spinesi, que foi artilheiro rossoblù em 2006-07, e que na temporada passada participou de quase todos os jogos, marcando sete gols, só jogou 109 minutos nesse campeonato e não entrou como titular em nenhuma partida. Já Nicolae Dica, que veio como ídolo do Steaua Bucareste, não aguentou nem até o fim da temporada e com problemas de ambientação voltou para a Romênia ainda em janeiro.

Deixe um comentário