Serie A

Três embates entre times da parte alta da tabela esquentam a 7ª rodada da Serie A italiana

A 7ª rodada da Serie A ocorre antes da última data Fifa de 2020 e vem pegando fogo: há pelo menos dois jogaços na manhã de domingo e mais alguns duelos importantes distribuídos pelo final de semana. Os destaques óbvios ficam por conta dos confrontos entre Atalanta e Inter e Lazio e Juventus, que movimentam a parte de cima da tabela e valem pontos preciosos para a disputa do título e por vagas europeias. Um pouco menos badalado, mas também significativo, será o encontro entre Milan e Verona, que encerra a jornada. Confira nossas avaliações na prévia.

O jogão

Domingo, 8/11, 11h

Atalanta x Inter

O duelo entre nerazzurri tem tudo para garantir bastante diversão para a manhã de domingo – e muito chumbo trocado. Atalanta e Inter têm se notabilizado pelo futebol ofensivo e por, nessa temporada, em especial, produzirem partidas com muitos gols. São os dois times com mais toques na bola dentro das grandes áreas rivais, por exemplo (191 a 190 para a Dea), além de serem os que mais anotaram tentos com finalizações neste pedaço do campo (14 a 13). Por outro lado, a Inter já sofreu 15 gols em 2020-21, somando todas as competições, enquanto a Atalanta foi vazada 20 vezes.

É possível que as ausências de peças importantes (Gosens, no time da casa; Lukaku, no visitante) e o cansaço advindo das partidas complicadas que a dupla teve pela Champions League acabem por tirar um pouco da beleza do espetáculo e até reduzam o índice de expected goals. Porém, deve falar mais alto o padrão de jogo que os técnicos já transmitiram às equipes ao longo de seus trabalhos. Vale lembrar ainda que Gasperini e Conte são “ex”: ambos tiveram experiências negativas no banco de reservas de seu adversário do fim de semana anos atrás. Por outro lado, o atual treinador da Inter nunca perdeu contra a Atalanta na Serie A: soma sete vitórias e um empate.

Prováveis escalações

Atalanta: Sportiello; Rafael Toloi, Romero, Djimsiti; Hateboer, Pasalic, Freuler, Ruggeri; Gómez, Ilicic; Zapata.

Inter: Handanovic; Skriniar, De Vrij, Bastoni; Hakimi, Vidal, Brozovic, Young; Barella; Sánchez, Martínez.

Fique de olho

Domingo, 8/11, 8h30

Lazio x Juventus

A Lazio tem incomodado bastante a Juventus nas últimas temporadas, muito embora nem sempre tenha vencido a Velha Senhora pela Serie A. O desempenho positivo do time de Simone Inzaghi contra os bianconeri sempre foi condicionado pelo alto rendimento das principais peças à sua disposição: Immobile, Luis Alberto e Milinkovic-Savic. É provável, no entanto, que o centroavante não jogue – tudo dependerá do teste de covid-19, que deu positivo antes do compromisso celeste na Champions League. O meia espanhol, por sua vez, acabou de se recuperar da doença, ficou mais de duas semanas parado e não se sabe ao certo quais serão suas condições de jogo.

O coronavírus não parou Cristiano Ronaldo, é claro. No retorno aos gramados, contra o Spezia, o português deixou uma doppietta e ratificou porque é uma das poucas certezas da equipe de Pirlo. Ainda em fase de testes, o treinador pode mandar seu time a campo no 4-4-2, com o norte-americano McKennie aberto pela esquerda, ou decidir espelhar o 3-5-2 biancoceleste. Ambas as formações não modificam um fato: a Juventus é favorita em Turim.

Curado da covid-19, Ronaldo voltará ao time titular da Juventus num jogo da Serie A (imago)

Domingo, 8/11, 16h45

Milan x Verona

Milan e Verona têm uma rivalidade de cerca de 50 anos, que nasceu em 1973, quando o Hellas venceu o Diavolo na última rodada da Serie A e acabou fazendo o scudetto trocar de mãos e cair no colo da Juventus. Desde então, o time do Vêneto tem se especializado em atrapalhar a vida dos rossoneri. Com forte defesa e boas condições de agredir em contra-ataques, o time de Juric tem chances de incomodar Pioli e companhia.

Na quinta, o Milan viu sua sequência de 24 partidas de invencibilidade cair por terra, além de também ter atuado muito mal contra o Lille. Ainda é cedo para calcular se isso irá gerar algum impacto negativo no psicológico do jovem elenco do líder do campeonato, mas certamente o veterano Ibrahimovic está tentando passar tranquilidade para os “sobrinhos”. Vale destacar que o Diavolo nunca perdeu em casa para o Verona, mas já tropeçou demais nos butei em San Siro: são 12 empates em 28 partidas no estádio.

Demais partidas

Sexta, 6/11, 16h45
Sassuolo x Udinese

Sábado, 7/11, 11h
Cagliari x Sampdoria

Sábado, 7/11, 14h
Benevento x Spezia

Sábado, 7/11, 16h45
Parma x Fiorentina

Domingo, 8/11, 11h
Roma x Genoa
Torino x Crotone

Domingo, 8/11, 14h
Bologna x Napoli

Deixe um comentário