Liga Europa

Faltaram gols e torcida

Itália mais uma vez sem título europeu. A Lazio era a última esperança. (Uefa.com)

Borussia Dortmund, Barcelona e até mesmo Galatasaray
mostraram que a força da torcida é quase fundamental na busca por uma
classificação. Mas a Lazio, apesar de decidir a vaga na semifinal em casa contra
o Fenerbahce, não pôde contar com o apoio de sua fanática torcida (que cumpriu
o último jogo de penalização por acusação de racismo) para tentar reverter o
placar adverso de 2 a 0 (com gols de Webó e Kuyt) obtido em Istambul.

Com força máxima em campo (exceção de Klose, que ainda não
está fisicamente preparado), a Lazio entrou disposta a mudar a história do
confronto e desde o início controlou o jogo e criou boas oportunidades, quase
todas em chutes de fora da área. Na melhor delas, Ederson recebeu no lado
direito da área e chutou forte, mas Demirel defendeu com os pés. Tal como na Turquia,
os laziali fizeram uma boa primeira etapa, mas apesar de não sofrerem pressão também
não conseguiram vazar a defesa turca.
Na volta da segunda etapa e já com Klose em campo, Lulic
acendeu as esperanças italianas, abrindo o placar em uma bela cabeçada sem
chances para o goleiro do Fener, após concluir cruzamento de Candreva.
Precisando de mais um gol para ao menos levar a decisão para os pênaltis, Petkovic lançou seu time ao ataque, deixando a defesa desguarnecida. Exposta, a Lazio, pouco depois
de conseguir o gol, acabou sofrendo o empate. Após de jogada pela direita, o
ataque turco trabalhou a bola dentro da área até chegar em Webó que ajeitou
para Caner Erkin fintar Ciani e disparar um petardo, sem chances para
Marchetti.
Precisando de um milagre para classificar e tendo pouco mais
de vinte minutos pela frente, o técnico Petkovic apostou tudo em Floccari e no
garoto Rozzi, porém a entrada de ambos foi insuficiente para que a Lazio
conseguisse ao menos mais um gol. Já sem ânimo, o time se entregou e apenas viu
o tempo passar.
Apesar de eliminada a Lazio saiu da competição sabendo que
poderia facilmente estar na fase seguinte, afinal foi amplamente superior aos
turcos, tanto no primeiro quanto no segundo jogo. A diferença foi que o Fenerbahce
conseguiu a vantagem jogando em casa e apenas administrou o resultado, enquanto
a Lazio sentiu falta do poder de decisão de Klose nos momentos cruciais. Agora
restará ao time conquistar novamente a vaga para a competição da próxima
temporada.

Deixe um comentário