Serie A

Campeonato Italiano retoma atividades com confrontos acirrados na 13ª rodada



Após um recesso de duas semanas, devido à data Fifa, o Campeonato Italiano está de volta. Os jogos das Eliminatórias foram positivos para a Itália, que garantiu pela primeira vez 100% de aproveitamento numa qualificatória e a posição de cabeça de chave na Euro 2020, mas agora é hora de o país se voltar novamente à Serie A.

Os três jogos do sábado são os grandes atrativos da rodada. A Juventus vai até Bérgamo para pegar uma Atalanta que vem de alguns tropeços nas últimas rodadas e sofre com desfalques, mas se consolidou como pedra no sapato da Velha Senhora nas temporadas recentes. Por sua vez, a vice-líder Inter viaja até o Piemonte para encarar o Torino, que também costuma lhe complicar a vida. Para fechar o sábado temos “só” Milan e Napoli, num encontro de grandes em crise.

Completando a rodada, Lazio e Cagliari – que fazem boa campanha – têm confrontos complicados fora de casa; Sassuolo e Lecce respectivamente. A Roma pega o Brescia, último colocado, mas não deve ter vida fácil. Confira a prévia da rodada.

Assista ao Campeonato Italiano no Dazn com 1 mês grátis. Assine.

O jogão

Atalanta x Juventus

Data e horário: sábado, 23/11, 11h
Transmissão: DAZN e Bet365

Atalanta e Juve medirão as forças entre melhor ataque e melhor defesa. Em Bérgamo, o time da casa espera reencontrar o caminho da vitória depois de três rodadas de jejum: no período, somou empates contra Napoli e Sampdoria e uma derrota caseira para o Cagliari, que lhe tiraram da zona Champions. Zapata volta de lesão após um mês e meio de molho e deve começar no banco. Ainda assim, vai poder jogar contra uma de suas vítimas favoritas – na temporada passada, o colombiano marcou quatro vezes contra a Juventus.

Pelo lado bianconero, o departamento médico do clube ganhou o “reforço” de Alex Sandro após a data Fifa, enquanto Pjanic preocupa por um problema muscular que lhe acometeu contra a Itália. O bósnio, a princípio, está confirmado para o jogo. Apesar dos desfalques e incertezas, o time irá a campo com Cuadrado e Bonucci de ânimo e contratos renovados. Ronaldo e Higuaín devem fazer a dupla de ataque, mas há a possibilidade de Dybala também ser utilizado: La Joya disputa posição com Bernardeschi. Pela Serie A, a Juve não perde para a Atalanta desde 2001, mas a Dea eliminou a Vecchia Signora na última Coppa Italia e tem sido uma adversária incômoda desde que Gasperini assumiu o comando.

Prováveis escalações

Atalanta: Gollini; Rafael Toloi, Palomino, Djimsiti; Castagne, De Roon, Freuler, Gosens; Gómez, Pasalic; Muriel.

Juventus: Szczesny; Cuadrado, Bonucci, De Ligt, De Sciglio; Khedira, Pjanic, Matuidi; Bernardeschi; Higuaín, Ronaldo.

Fique de olho

Sábado, 23/11, 14h

Milan x Napoli

Milan e Napoli são os dois times que menos pontos somaram em relação ao mesmo momento da última temporada: oito e nove, respectivamente. No lado rossonero, o período negativo vem acompanhado de seu maior número de derrotas nas 12 primeiras rodadas desde 1941 – o Diavolo nunca somou oito tropeços em 13 jornadas. Os partenopei, por sua vez, não sabem o que é vencer há cinco jogos e vivem sua pior sequência desde fevereiro de 2016. Os napolitanos não passam seis partidas sem triunfar, contando todas as competições, desde 2013.

Na 13ª posição, empatado com o Sassuolo, o Milan precisa acordar se quiser sonhar com uma vaga em alguma competição europeia este ano. Após um jogo positivo contra a Juventus, o desafio será bater um rival contra o qual só triunfou uma vez nos últimos 16 jogos e que não consegue superar em San Siro há mais de quatro anos. O time rossonero não vai contar com Çalhanoglu e Bennacer, o que deve fazer com que Lucas Paquetá e Suso tenham mais responsabilidades na criação. Já o Napoli não contará com Milik, seu artilheiro, o que abre espaço para Lozano e Mertens fazerem a dupla de ataque. Em sétimo lugar, o time napolitano se afastou da zona Champions e tentará reencontrar a melhor forma na visita de Ancelotti ao estádio em que o treinador foi extremamente feliz.

Em crise, Napoli tentará manter hegemonia recente contra o Milan (Getty)

Sábado, 23/11, 16h45

Torino x Inter

O Torino ainda não se encontrou no campeonato, embora venha de uma goleada por 4 a 0 sobre o Brescia. A vitória e a fase de Belotti – que foi muito bem pela Itália contra a Bósnia – animam o time, mas os grenás ainda parecem distantes da forma do ano passado e se encontram no meio da tabela. O tira-teima virá contra a Inter, equipe contra a qual o Toro tem levado a melhor: não perde há cinco duelos e venceu os dois confrontos mais recentes em Turim.

Um tropeço da Juve e a vitória contra o Torino colocaria a Beneamata de volta na liderança. Dessa forma, o time de Antonio Conte deve ir para cima dos granata e conceder alguns espaços. A propósito, os rivais têm aproveitado certa inconsistência da forte defesa nerazzurra, que sofreu gols nos oito últimos jogos, considerando Serie A e UCL. Nas formações, poucas surpresas: o Torino terá desfalques importantes, como Falque, Lyanco e Laxalt, enquanto Sensi segue fora na Inter.

Demais partidas

Domingo, 24/11, 8h30
Bologna x Parma

Domingo, 24/11, 11h
Roma x Brescia
Sassuolo x Lazio
Verona x Fiorentina

Domingo, 24/11, 14h
Sampdoria x Udinese

Domingo, 24/11, 16h45
Lecce x Cagliari

Segunda-Feira, 25/11, 16h45
Spal x Genoa



Deixe um comentário